segunda-feira, 15 de fevereiro de 2016

Artigos Relacionados × +

Entrevista com o Autor: Alan Borges


Anteriormente eu trouxe para vocês a recomendação literária do livro meu Amiguinho do Espaço, uma brilhante obra do autor Alan Borges, publicada pela Chiado Editora, que está repleta de ensinamento sobre a vida e o Universo numa abordagem propicia para o publico juvenil. O Alan é parceiro do Blog e agora ingressa no meu Projeto Plena, assim teremos muitas postagens sobre ele e suas obras por aqui, fiquem atentos. Como de costume, a porta de entrada do Projeto é essa entrevista. Aproveitem-a para conhecer um pouco mais desse autor talentoso que veio para ficar:
1- Fale-nos um pouco de você. Quem você é? O que te move, inspira e diverte? Qual sua formação?

Bom, primeiramente eu gostaria de agradecer a você (Augusto Oliver) pelo espaço, pela oportunidade de estar aqui em seu blog sendo entrevistado. 

Na verdade eu venho de um mundo totalmente diferente (digo isso porque sempre trabalhei em indústrias e os meus contatos com livros literários eram zero). Sempre trabalhei com manutenções, planejamentos, programações e afins... Agora é como se fosse tudo novo para mim. Eu possuo duas formações técnicas em mecânica de manutenção industrial, uma de eletromecânica e uma de automação industrial, fiz língua Inglesa durante cinco anos e meio e possuo mais outros cursos extra curriculares. Tranquei a faculdade de engenharia de controle e automação depois de completar seis semestres e também tranquei um curso técnico de mecatrônica já no final para poder ter um pouco de tempo para escrever (sou chamado de louco por isso, (risos)) Há algum tempo atrás eu resolvi mergulhar neste mundo literário, já era para ter o feito antes, mas o trabalho, a faculdade, os cursos, enfim... Eu não tinha tempo. 

2- Como se da à relação entre você e a literatura? 

Bem, agora, eu possuo algumas regrinhas impostas por mim mesmo, já que estou neste ramo. Eu costumo a separar uma parte do tempo para ler, e outra parte para escrever. Preciso ler muito, muito mesmo, porque estou ainda muito verde neste ramo até o momento.

3- Quais são seus livros publicados? Fale-nos um pouco deles e onde podemos comprá-los 

Existe “Minha prima chata” que é um romance narrado aos olhos de um menino de nove anos. A história é narrada em primeira pessoa e se passa em Salvador – Ba. Marcelo é um garoto incrível e possui grandes amigos, no decorrer da estória eles vivem muitos bons momentos juntos. Marcelo também tem pais adoráveis, eles levam uma vida simples e tranquila. O único problema para Marcelo é quando sua prima vem de Recife passar uma semana inteirinha em sua casa. Eles possuem muitas diferenças na maneira de pensar e agir, e essas diferenças os levam a constantes discussões. Só que nessa visita de Cristina (a prima chata) à sua casa, Marcelo passara por algo que nunca imaginara passar em sua vida. 

Já o: “Meu amiguinho do espaço” é um livro voltado para o público mais juvenil (as crianças). No entanto, ele não deixa de poder ser lido por adultos. As obras podem ser compradas no site da: “Chiado editora”, “livraria da travessa” e “livraria da cultura” aqui no Brasil, e em Portugal, as obras podem ser compradas na: “Bertrand” e na “Wook”.

4- Como se deu sua inserção nesse universo literário? Quais desafios encontrou para publicação de seus livros e como os superou? 

Para ser bem franco, eu não tive tantos problemas com a publicação, e sim com o “Marketing” Na minha opinião, o mas difícil para o autor é conseguir conquistar leitores, divulgar o projeto com contundência, promover bem a obra, e sem um marketing agressivo por detrás de tudo isso, fica realmente muito complicado.

5- Que elementos você considera importante na construção de um personagem? 

Bem, geralmente as características físicas e emocionais. Estes, na minha opinião, são os primeiros passos. Depois vem a coerência em relação aos seus atos e falas durante o desfecho da estória.

6- Quais são os livros e autores que inspiram sua vida? Recomenda-me algum. 

Eu gosto muito de: “O pequeno príncipe” (Antoine), “O caçador de pipas” (Khaled Hosseini), “o menino do pijama listrado” (John Boyne), “A menina que roubava livros” (Markus Zusak), “Nárnia” (Lewis), “Meu pé de laranja lima” (José Mauro de Vasconcelos). De todos os supracitados, o que mais gosto é o do Antoine. Então se for para eu recomendar algum, eu recomendo o dele (risos). Eu fico imaginando sobre como uma pessoa podia escrever uma obra tão brilhante como essa em um momento tão conturbado como aquele.

7- Fale-me de seus projetos futuros. Tem mais livros a caminho? 

Sim, tem mais livros (risos). Tem um romance que se passa no estado do Texas, nos Estados Unidos, que se chama: “Luke Miller”, ele está passando por uma revisão pela editora, presumo que em breve esteja nas lojas. Tenho um conto também: “O País de Nala” que está com outra editora em processo de edição e também estou trabalhando em mais três projetos: Um sobre o Holocausto (este só ficará pronto em 2017), um sobre inteligência artificial (também é um romance) e mais outro romance que se passa no Brasil.

8- O que significa para você esse efeito mágico que a leitura causa nas pessoas, especialmente nas crianças e nos adultos sonhadores? 

Bem, é um efeito extraordinário (risos). Enquanto os livros nos causarem este efeito mágico e nos levarem a lugares incríveis e nos fazer refletir (acima de tudo), e também nos fazer imaginar e enxergar a história que lemos, é sinal de que o mundo literário está sendo muito bem executado, tanto da parte do autor, quanto da parte do leitor.

9- Escolha uma frase ou parágrafo de um de seus livros para nos inspirar. 

A não desistência é a variável principal para o caminho do sucesso na equação da vida.- Minha Prima Chata

Você irá gostar

Entrevista com o Autor: Alan Borges
4/ 5
Oleh

18 comentários

Escrever comentários
avatar
15 de fevereiro de 2016 14:49

Queria saber entrevistas autores, sou péssima com isso. Adorei saber que ele saiu de um ramo totalmente diferente da literatura, veja bem o bichinho literário pega todos.
Outra coisa que concordo com ele é que a divulgação da literatura é complicada, conquistar o mercado nunca é fácil.

Beijinhos, Helana ♥
In The Sky, Blog / Facebook In The Sky

Responder
avatar
15 de fevereiro de 2016 18:30

Que bacana esse entrevista , ainda não conhecia o autor ! Sucesso ♥

Responder
avatar
15 de fevereiro de 2016 23:23

Oi. Gostei de conhecer o autor, ele disse que o livro é voltado para o público juvenil, mas concordo com ele, dá para ser lido tranquilo por adultos, eu aprecio leituras de livros infantis e juvenis, até para conhecer o que anda sendo livro por meus alunos e ter ferramentas para sala de aula, presentar minhas sobrinhas etc. Olha, eu acho as características psicológicas bem interessante na construção dos personagens. enfim, parabéns pela entrevista, gostei do que li e espero logo conhecer o autor.

Responder
avatar
16 de fevereiro de 2016 07:05

Olá,

acho muito bacana entrevistas com autores, editoras, pessoas ligadas ao mundo literária, que de uma ou outra forma contribuem para que possamos ter o livro em mãos. www.sagaliteraria.com.br

Responder
avatar
16 de fevereiro de 2016 11:19

Oiii!

Eu não conhecia o autor e nossa <3 Que amor essa entrevista. Acho uma forma linda de divulgar novos autores com entrevistas pq dá para conhecer melhor eles.
Gostei das perguntas!

Beijinhos

Responder
avatar
16 de fevereiro de 2016 14:37

Olá!

Parabéns pela entrevista! Não conhecia o autor, mas percebi que ele é multifuncional e sim, é doido mesmo de abandonar um curso no fim para se dedicar à leitura! Excelentes perguntas, parabéns!

resenhaeoutrascoisas.blogspot.com

Responder
avatar
16 de fevereiro de 2016 21:13

Hello! Tudo bem?

Ah bacana conhecer mais sobre o autor Alan Borges, nao leio muito livros da Editora Chiado e me animei a conhecer mais das obras do autor.
De engenharia a escritor, um pulo e tanto hein?! Mas se vc se sentiu bem, tem mais que mudar mesmo e seguir o sonho.
Concordo demais, os livros causam um efeito extraordinário nos leitores!
Beijos!

LIVROS E SUSHI - https://livrosesushi.wordpress.com

Responder
avatar
17 de fevereiro de 2016 09:30

Oi!
Adorei conhecer mais sobre o autor. As respostas dele são ótimas, especialmente a resposta 8. Concordo muito com ele, enquanto a leitura me inspirar vou continuar lendo, ou seja, eternamente, rsrs.
Bjs!
Quem Lê, Sabe Porquê



Responder
avatar
17 de fevereiro de 2016 09:56

Oi, adorei a entrevista, ainda não conhecia o autor, mas ele parece ser bastante atencioso e suas obras interessantes. Parabéns pela parceria de vocês.

http://mysecretworldbells.blogspot.com.br/

Responder
avatar
17 de fevereiro de 2016 22:57

Oi, Augusto
Lembro de ter lido sobre o 'Meu amiguinho do espaço' por aqui.
Muito bacana poder conhecer melhor o autor, que inclusive largou tudo para seguir o seu maior sonho. Fiquei curioso para ler esse romance sobre inteligência artificial que ele ainda está escrevendo. Espero que não demore kkk

Abraço,
João Victor - De cabeça para baixo | All POP Stuff

Responder
avatar
17 de fevereiro de 2016 23:51

Oi Augusto,
Muito bacana a entrevista com o Alan. Realmente tenho ouvido que hoje em dia está mais difícil divulgar do que publicar os livros. Conhecer a trajetória do autor faz com que nós, leitores, pensemos a respeito disso e demos mais valor às obras de autores iniciantes. Admiro muito os escritores que dizem ler para amadurecer, é lindo ouvir isso porque só a leitura aduba o conhecimento. Ótimo trabalho e muito sucesso para ambos!

Beijo,
Mari Siqueira
http://sobreamorelivros.blogspot.com

Responder
avatar
18 de fevereiro de 2016 07:38

Oi Augusto, tudo bem
Gente, encontrei alguém que cita Meu Pé de Laranja Lima, esse foi um dos livros que mais me marcaram quando eu era mais nova. Adoro também o pequeno príncipe, essa obra concordo é brilhante. Gostei muito da frase em que ele citou sobre não desistirmos, é verdade, isso pode mudar tudo, faz toda a diferença. Gostei muito da entrevista e desejo sucesso ao autor.
beijinhos.
cila.
http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

Responder
avatar
21 de fevereiro de 2016 11:31

Olá,
Adorei a entrevista, muito bom conhecer autores nacionais com tamanho talento.
Fiquei muito interessado em adquirir o livro para conhecer melhor o autor, ele mostrou ser uma ótima pessoa pela entrevista.
O blog está de parabéns pela iniciativa.
Abraços

Responder
avatar
21 de fevereiro de 2016 18:56

Oie, tudo bem? Que interessante a entrevista, é sempre bom conhecer um pouco mais os autores que admiramos, além de saber sobre seus novos projetos, o que estão fazendo da vida, e quais serão seus novos títulos que é o mais legal, concorda? Gostei muito das respostas dele, e de conhecê-lo também. Beijos, Érika

- www.queroseralice.com.br -

Responder
avatar
22 de fevereiro de 2016 00:18

Olá!! Que parceria bacana!

Apesar de não conhecer o autor, adorei a entrevista! Vou pesquisar mais sobre o livro que ele escreveu para conhecer melhor!!!


Bj
Keyla - http://blogleituraterapia.blogspot.com.br/

Responder
avatar
23 de fevereiro de 2016 21:29

Que legal a entrevista!

Interessante ver os pontos de vista do autor em relação a publicação do livro. Me fez perceber uma coisa: publicar um livro não é um bicho de 7 cabeças, divulgá-lo que pode ser um problema. Ainda mais para um autor nacional, que precisa conquistar espaço em meio ao "preconceito" dos leitores, que muitas vezes esnobam novos autores brasileiros em prol de publicações internacionais.

Desejo muito sucesso pra ele!

Responder
avatar
25 de fevereiro de 2016 21:20

Oeee,Acabei de conhecer o autor,mas seu trabalho parece realmente interessante. Tenho muita vontade de ler "Meu amiguinho do espaço",já "Minha Prima Chata" nem tanto. Tenho um caso serio de alergia a romances,mazenfim. Abraço!

Responder
avatar
4 de março de 2016 18:54

Olá pessoal! Espero que todos se encontrem bem. Passando rapidinho para agradecer a todos pelos comentários gentis. Muito obrigado mesmo. Estou muitíssimo feliz com essa parceria do meu amigo Augusto e aproveito para mandar-lhe um grande abraço. Espero não desapontá-los pessoal. Vou me dedicar mais e estudar muito para me aprimorar. Um grande abraço a todos vocês!! Agradecido pelo carinho!!

Responder